Social stigma e internalized stigma: ns voice of persons with mental disorders e the confrontations required


Larissa alves do nascer http://orcid.org/0000-0002-5006-5983 Adriana leão http://orcid.org/0000-0003-4545-6258Sobre os autores
Resumo

O estigma internalizado ocorre no decorrer o indivíduo tem cognato do estigma a ele atribuído, concordando e aplicando der si ter os estereótipos negativos sobre sua doença. Der internalização dá estigma agrava os sintomas a partir de transtorno mental, levando naquela isolamento, sentimentos de baixo autoestima, culpa e autorreprovação. Buscou-se produzir mais conhecimentos cerca de dessa temática, der partir da visão do pessoas alcançar transtorno estatísticas especiais que comparecer de agir visando construir juntos soluções no atenção em saúde mental. Alcançar o objectivo de analisar o processo de estigma e estigma internalizado, realizou-se pesquisa qualitativa, com entrevistas semiestruturadas. Os resultado revelaram que ministérios estigma internalizado tem efeitos negativos durante indivíduo, e que naquela família tem forte influência nesse processo.

Você está assistindo: Como lidar com a indiferença das pessoas

atenção psicossocial; saúde mental; estigma internalizado; reabilitação psicossocial


Abstract

Internalized stigma wake up when people become aware of ns stigma assigned come them, agree, e apply these an adverse stereotypes around their illness to themselves. The internalization of stigma aggravates ns symptoms of estatísticas especiais disorders, bring about isolation, feel of low self-esteem, guilt, and self-condemnation. Our meta was to produce an ext knowledge on this topic from the allude of panorama of human being with estatísticas especiais disorders who participate in tasks aimed at collectively building divinatório health care solutions. With the objective that analyzing ns process the stigma e internalized stigma, we carried lado de fora qualitative pesquisar using semi-structured interviews. The results verified that internalized stigma has an adverse effects top top individuals, and that the família has der strong influence on this process.

psychosocial care; estatísticas especiais health; internalized stigma; psychosocial rehabilitation


O processo de reforma psiquiátrica durante país isto mostra importantes avanços na proposição e consolidação de outra formato de cuidado, que usa um modelo de atenção à saúde santidade de base territorial e comunitária, não mais centralizando a ajuda no hospital psiquiátrico. Porque o tanto, contamos alcançar a network de punho Psicossocial (Raps),1 1 naquela Rede de atenção Psicossocial (Raps) obtivermos instituída dar portaria n.3.088, de 23 de dezembro de 2011, porque o obter a criação, alargamento e articulação de apontar de atenção à saúde para pessoas abranger sofrimento alternativa transtorno estatísticas especiais e abranger necessidades decorrentes a partir de uso de crack, álcool e outras drogas, no âmbito do sistema Único de saúde (SUS). composta através dos diferentes serviços e programas.

As pessoas abranger transtorno mental severo e recorrente, ou com transtornos decorrentes são de uso de álcool e outras drogas, historicamente carregam consigo estigmas o que acarretam alguns tipos de dificuldade na adesão ao tratamento especializado e idêntico na juntando-se social nos múltiplo âmbitos da vida.

Goffman (1988)GOFFMAN, Erving. Estigma: notas sobre naquela manipulação da identidade deteriorada. Rio de Janeiro: LTC. 1988. Define o estigma gostar um assina profundamente depreciativo utilizado para afastar de um agrupados dominante, algum indivíduo alternativamente um definir de pessoas alcançar determinadas apresentou que os diferenciem da norma, resultado em indivíduos rejeitados, objetos de quebra e excluídos da participação em diversas área da sociedade.

A representação da loucura proposta na sociedade mas coloca o usuário do serviço de saúde mental, sobretudo aqueles que vivenciaram um processo de institucionalização, num lugar de alienação e de despersonalização, em que não há transação de crédito social e respeito, reduzindo-os a um estigma e impedindo sua comunicação alcançar a sociedade, resultando num processo de para excluir, expulsar e segregação, como consequência da estigmatização (Brunello, 1998BRUNELLO, maria R.I. Loucura: um processo de desconstrução da existência. Periódico Terapia Ocupacional, v.9, n.1, p.14-19. 1998.).

Ainda que que tenha vivenciado um processo de institucionalização, a pessoa alcançar algum tipo de transtorno santidade está sujeita der ser estigmatizada, devido aos valores manicomiais e excludentes que se fazem presentes na sociedade, ministérios que dificulta seu processo de recuperação devido à internalização do estigma.

Soares et al. (2011)SOARES, Rhaisa G. Et al. Der mensuração a partir de estigma internalizado: alteração sistemática da literatura. Psicologia em Estudo, v.16, n.4, p.635-645. 2011. Afirmam, com base em Corrigan e Watson (citados em Soares et al., 2011SOARES, Rhaisa G. Et al. Der mensuração são de estigma internalizado: revisão sistemática da literatura. Mentalidade em Estudo, v.16, n.4, p.635-645. 2011.), que ministérios estigma internalizado ocorre quando o pessoal tem consciência do estigma a ele atribuído, concordando e aplicando a si próprio os estereótipos negativos sobre seus doença, ministérios que leva a diversidade consequências gostar a diminuição da autoestima e da autoeficácia, além de sentimentos de culpa, angústia, frância e autorreprovação. Sobre isso modo, ministérios estigma internalizado agrava os sintomas a partir de transtorno mental, levando aos isolamento na tentar de evitar der rejeição e ao algum investimento em habilidade compensatórias ~ por transtorno, o que produzir ainda mais solidão.

A revisão bibliográfica realizada enquanto início desta pesquisa mostrou gracioso de estudando sobre aqueles temática no decorrer Brasil. Observou-se que textos para estigma sociedade são mais numerosos o que sobre estigma internalizado, e naquela maior cardeais de publicação sobre o sujeito é dos EUA.

Essa insuficiência de pesquisar sobre o fio no brasil pode se dever naquela um desinteresse sobre ministérios assunto alternativa pode demasiado estar relacionada vir fato de algum haver instrumento de mensuração traduzidos para estar aplicados no decorrer país, contar no momento apenas alcançar uma escala, adaptada para compatriota dependentes de substâncias (Soares et al., 2015SOARES, Rhaisa G. Et al. Validação da versão brasileira da escala Ismi personalizado para família da família de substâncias. Psicologia: doutrina e Pesquisa, v.31, n.2, p.229-238. 2015.). Os poucos pesquisar existentes trazem together percepções de pessoas com transtorno santidade sobre o estigma e o preconceito o que sofrem em muitos contextos. Não é possível, porém, com esses aprender, definida se essas compatriota internalizaram esse estigma e concordam alcançar os preconceitos relevante à sua estado (Oliveira, Andrade, Goya, 2012OLIVEIRA, Raimunda. F. De; ANDRADE, Luiz O.M. De; GOYA, Neuza. Acesso e integralidade: a compreensão dos do utilizador de uma rede de saúde mental. Ciência e saúde Coletiva, v.17, n.11, p.3069-3078. 2012.; Nunes, Torrenté, 2009NUNES, Mônica; TORRENTÉ, Maurice. Estigma e violência enquanto trato abranger a loucura: relatório de centros de punho psicossocial, Bahia e Sergipe. Revista de saúde Pública, v.43, supl.1, p.101-108. 2009.; Salles, Barros, 2013SALLES, Mariana M.; BARROS, Sônia. Representações social de do utilizador de um centrado de atenção Psicossocial e pessoas de sua rede acima de doença santidade e inclusão social. Saúde e Sociedade, v.22, n.4, p.1059-1071. 2013.; Salles, Barros, 2009SALLES, Mariana M.; BARROS, Sônia. Destino cotidiana após adoecimento mental: desafiada para atenção em saúde mental. Acta Paulista de Enfermagem, v.22, n.1, p.11-16. 2009.; Monteiro et al., 2012MONTEIRO, Claudete F. De S. Et al. O direto e o morar: relação interpessoais de moradores no serviços área residencial terapêuticos. Periódico Enfermagem UERJ, v.20, n.5, p.637-641. 2012.). Obtivermos encontrado apenas um estude em eu imploro seu perdão as autoras comparam as percepções apresentadas até indivíduos abranger o estigma internalizado (Moreira, Mello, 2008MOREIRA, Virgínia; MELO, Anna K. “Minha doença é invisível!”: revisitando o estigma de ser ferir metal. Interação em Psicologia, v.12, n.2, p.307-314. 2008.).

A fabricação de práticas capazes de reduzir preconceitos e o estigma circundada loucura mas são desafios no contexto da atenção psicossocial. Naquilo sentido, mudanças no decorrer imaginário social sobre der loucura eles podem ocorrer pela meio da construção cotidiana de novo relações sociais no território. O território é uma unir relacional composto por lado naturais, geográficos, e até pela empresa em movimento, em ~ dinamicidade que participar os enfrentar cultural, social, legislativo, político, económica e social, e fabricação transformações no lugar e nós modos de viver (Santos, 2007SANTOS, Milton. Emprego espaço são de cidadão. Eles são Paulo: Edusp. 2007.). Ministérios uso dos espaços comunitários e territoriais ele deve ter ser privilégio nas ações produzidas naquela partir são de serviços substitutivos de saúde mental, abranger a finalidade de pulso processos de consiste em social para as compatriota que apresentam transtorno mental.

O fenômeno do recovery, que isso pode ser compreendido em nosso contexto como um processo de recuperação, embora seja um processo o que cada humano irá vivenciar de 1 forma, denominada um fator importante para cruzar os efeitos dá estigma e outros efeito negativos o verdade de ter o que transtorno mental. Recovery excluir descrito através Anthony (citado em Anastácio, Furtado, 2012ANASTÁCIO, Camila C.; FURTADO, Juarez P. Restabelecimento psicossocial e recovery: conceito e afetar nos serviços oferecidos cabelo sistema de saúde mental. Cadernos brasileiros de saúde Mental, v.4, n.9, p.72-83. 2012., p.75-76) como um “processo empregada e músicas de mudança de valores, sentimentos, objetivos, habilidades e papéis. ... Recovery denominações uma habilidade de dar um novo significado para vida contudo das limitações são de adoecimento psíquico, envolvendo naquela superação são de estigma para conseguir exercer der cidadania”.

Diante a partir de exposto, together questões que se atualmente na aspecto de fabricação de cuidado na atenção psicossocial são: ministérios que atrapalha no decorrer convívio e na criação de amarrado de pessoas acometidas por transtorno mental? como o indivíduo com transtorno divinatório se sente abranger o estigma o que carrega e gostar de lida abranger isso no cotidiano? As novo práticas no área da atenção psicossocial têm obtido produzir efeitos na vida das pessoas abranger transtornos psíquico em ligação à diminuição do estigma internalizado?

O estigma internalizado apresenta-se como um obstáculo enquanto processo de recovery das pessoas e, dadas sua importância e naquela escassez de porta sobre o tema na fabricação científica brasileiro no área da saúde mental, busca-se produzir acrescido conhecimentos acima de dessa temática, naquela partir da visão das pessoas que têm der vivência dá transtorno divinatório e participar de eventos durante território, que extrapolam os muros a partir de serviços da rede de atenção Psicossocial. Dentro sentido, trata-se de um subprojeto desempenhada na modalidade de Iniciação científico do Programa agência de Iniciação científico da Universidade comunidade do fantasma Santo (PIIC-Ufes), vinculado aos projeto da professora orientadora “Políticas e praticamente em saúde mental: a ereção de viagens de reabilitação psicossocial, recovery, herói e enfrentamento de estigmas”.

O objetivo a partir de estudo é análise e argumentam os processo judicial de estigmatização e de estigma internalizado vivenciado pelas pessoas com algum modelo de transtorno mental, além de voce entende e discutir os aspectos que contribuem para naquela diminuição dá estigma internalizado porque o esse espectadores no definição de papel da atenção psicossocial.

eletivo metodológica

A pesquisa proposta adquirindo exploratória de criatura qualitativa. Sendo ministérios mundo permeado por significados e símbolos e a intersubjetividade um ponto de coincide para captar reflexivamente os significados sociais, a pesquisa qualitativa pode ser entendida como a tentar de vai profunda compreendo dos significados e definições do situações apresentadas pelas compatriota (Minayo, 1998MINAYO, mary C. De S. Ministérios desafio são de conhecimento: enquete qualitativa em saúde. Elas Paulo: Hucitec. 1998.). Essa abordado apresentou-se apropriado para com os objetivos estabeleça-se nesse estudo.

O referencial teoria norteador desse esboço, projeto foram as handiwork em torno do paradigma psicossocial e o conceito da restaurar psicossocial proposto por Saraceno (1999SARACENO, Benedetto. Libertando identidades: da restabelecimento psicossocial à direitos civis possível. Belo Horizonte: dare Corá. 1999., 2011SARACENO, Benedetto. A cidadania como formato de tolerância. Publicação periódica de metalúrgico Ocupacional da universidade de elas Paulo, v.22, n.2, p.93-101. 2011.), que pode ser compreendido como um definir de ações que tem gostar finalidade aumentar as capacidades do indivíduo, diminuindo as deficiências e os dano da experiência a partir de transtorno mental, objetivando naquela reinserção sociedade (Lussi, Ornellas, Pereira Junior, 2006LUSSI, Isabela A. De O.; ORNELLAS, mary A.; PEREIRA JUNIOR, Alfredo. Der proposta de restabelecimento psicossocial de Saraceno: um modelo de auto-organização? revista Latino-americana de Enfermagem, v.14, n.3, p.448-456. 2006.). Utilizamos até trabalhos dos autor que abordam emprego estigma e ministérios estigma internalizado gostar de Goffman (1988)GOFFMAN, Erving. Estigma: notas sobre naquela manipulação da precisão deteriorada. Fluxo de Janeiro: LTC. 1988., Corrigan e Gelb (2006)CORRIGAN, Patrick; GELB, Betsy. 3 programs that usar mass viewpoints to challenge a stigma of santidade illness. Psychiatric Services, v.57, n.3, p.393-398. 2006., Corrigan (2012)CORRIGAN, Patrick W. Research e the remove of a stigma of divinatório illness. The inglês Journal the Psychiatry, v.201, n.1, p.7-8. 2012. E Thornicroft (2006)THORNICROFT, Graham. Shunned: discrimination against people with divinatório illness. Oxford: oxford University Press. 2006., os o que auxiliaram a análise e argumento dos dados.

Os procedimento técnicos realizados para a coletar dos dados foram der pesquisa bibliográfica e o pesquisar de campo. Para a pesquisa de campo, como forma de coleta de dados, utilizamos uma entrevista semiestruturada. Naquela entrevista, segunda-feira Minayo (1998)MINAYO, maria C. De S. Emprego desafio dá conhecimento: pesquisa de opinião qualitativa em saúde. São Paulo: Hucitec. 1998., denominada um ferramenta privilegiado de coletar de informações, dado a possibilidade de revelar, por meio da fala, as condições estruturais, os sistemas de valores, as padrões e together simbologias.

Os participantes são de projeto foram pessoas que atualmente transtorno mental e participar de eventos que são realizado nos espacial públicos, comunitários. Inicialmente, as pessoas foram convidadas porque o participar da pesquisa no contexto do projeto de ampliar “Ações na atenção psicossocial: der oficina de jornal como instrumento de enfrentamento dá estigma”. Der partir a partir de primeiras entrevistas, utilizamos naquela “bola de neve” proposta por Turato (2008)TURATO, Egberto Ribeiro. Tratado da metodologia da pesquisa clínico-qualitativa: construção teórico-epistemológica, discussão comparar e aplicativo nas áreas da saúde e humanas. Petrópolis: Vozes. 2008., em eu imploro seu perdão um informante-chave, abranger quem se inaugura naquela participação na pesquisa, auxilia o pesquisador naquela iniciar os contatos e a localizar etc pessoas alcançar o perfil essencial para a pesquisa e portanto sucessivamente até a saturação a partir de dados, quando não surgem novo nomes ou as informações não trazem adicionar novidades.

A pesquisa principal teve concordância do comitê de Ética e inspeção (CEP) da Universidade comunidade do espírito Santo (Ufes) e aceitável por bonito do luz n.1.101.772, em 10 de junho de 2015. Os entrevistados, depois de a leitura do Termo de acordo Livre e Esclarecido e de está dentro informados sobre naquela pesquisa, aceita livremente participar são de estudo e assinado o termo ns questões.

No bruta foram realizadas ano entrevistas, existência três entrevistados do sexo masculino e dois dá sexo feminino, com idades entrou 23 e 57 anos.

As entrevistas foram gravadas e depois de transcritas. Para analisado dos dados, utilizou-se naquela técnica de discurso do objeto coletivo (DSC), desenvolvida através dos Lefèvre e Lefèvre (2003)LEFÈVRE, Fernando; LEFÈVRE, Ana M.C. O fala do objeto coletivo: um new enfoque em pesquisa de opinião qualitativa (desdobramentos). Caxias são de Sul: Educs. 2003., em que, depois de a leitura, ser estar selecionados, de por resposta, trechos essencial e aquisição feito o lâmpada elétrica de expressões-chave no participantes o que compartilharam a mesma ideia, formando-se posteriormente uma sintético para der elaboração do DSC.

Como limite e dificuldades encontradas enquanto decorrer dá projeto, destacamos a elegância de estudando sobre a temática que abordem e evidenciem ministérios impacto a partir de estigma internalizado na vida das pessoas, sobretudo, naquela partir da seus voz.

achados e discussão

Após a análise dos discursos observamos a emergência de três categorias temáticas: vivência e conhecimento do transtorno mental; estigmas; e estratégias para ministérios enfrentamento a partir de estigmas.

Vivência e entendimento do transtorno mental

Atualmente, usam-se as expressão “transtornos” alternativa “doença mental” ao se sugestão aos problemas psicopatológicos, classificação no Diagnostic and statistical handmade of santidade disorders V (DSM-V), no decorrer ocorre der presença de sintomas e manifestações desviantes do comportamento dito usualmente (Assis, 2010ASSIS, Pablo. Um meager manual de transtornos mentais: um liderança introdutório à psicopatologia e os sistemas diagnósticos de classificação. Disponível em: . Digitar em: 28 abr. 2017. 2010.

Ver mais: Como Um Homem Deve Tratar Sua Namorada Como Uma Princesa, Como Tratar Sua Namorada Como Uma Princesa

" target="_blank">http://pablo.deassis.net.br/wp-content/u... ).

Nos fala dos participante pode-se apresentação que viver com transtorno mental não é uma semiótica positiva. Eles compreendem ministérios transtorno da mesma forma que a companhia o faz, ministérios que prova a cobrar de atuavam para atravessava e, a partir daí, lutar o estigma, muito na visão distinta quanto na coletiva. Porque o isso, são necessárias agir pontuais dos serviços substitutivos como também por ajudando de familiares. Como explicado através dos Saraceno (2011SARACENO, Benedetto. A cidadania como forma de tolerância. Revista de metalúrgico Ocupacional da universidade de elas Paulo, v.22, n.2, p.93-101. 2011., p.94), “há obstáculos que requerem mudança na visão empregada e coletiva que tudo de temos da diversidade, da enfermidade mental, de suas consequências e das respostas possíveis”. Assim, na visão são de participantes, ter um sofrimento estatísticas especiais é bonito complexo e visto como algum negativo, predomina pela familiar encontrada em lidar alcançar a sociedade: